segunda-feira, 31 de agosto de 2015

O Guia de Colina para Calouros (II)

Atenção: o uso da colina e sua suplementação devem ser orientados por um nutricionista; enquanto o uso de remédios nootrópicos deve ser orientado por um médico. Esse artigo tem apenas fins informativos.


Parte 2: É necessário usar a colina junto com o Nootropil (piracetam)?

Há certas combinações que parecem perfeitas. Romeu e Julieta e, se você não é de São Paulo, pizza com ketchup. No mundo dos nootrópicos, a colina é a tampa e o famoso piracetam (encontrado na forma de Nootropil, nas farmácias) é a panela. 

Pelo menos, os entusiastas de nootrópicos cravaram na pedra o Décimo Primeiro Mandamento: deverás combinar piracetam (ou qualquer outro racetam) com colina para obter o máximo de efeitos cognitivos. 

Isso é apenas broscience ou esse stack de fato tem mais benefícios do que usar colina ou piracetam isoladamente? É preciso aumentar o consumo de colina ao usar piracetam? 

sábado, 29 de agosto de 2015

Mecanismo de ação do Piracetam


FUNCIONA MESMO? COMO?
Os mecanismos de despolarização e repolarização.
A manutenção deles é necessária para a condução dos
impulsos nervosos.
O Piracetam é um derivado do GABA, um neurotransmissor que tem efeitos sedativos (veja mais em meu artigo A história do piracetam). Entendendo sobre o GABA, é possível compreender também como o Piracetam faz sua "mágica".

Os efeitos inibitórios do GABA são graças à hiperpolarização neuronal. Recomendo este artigo em caso de dúvidas sobre os processos de despolarização/repolarização.

Quando o GABA se encaixa em seus receptores específicos, há uma entrada maior de íons cloro (Cl-) no meio intracelular. O potencial de repouso é de -90mV. Com a entrada de cloreto, esse valor torna-se ainda mais negativo. Isso é inibitório porque, a fim de haver a condução do impulso nervoso, é necessário um estímulo que atinja algo em torno de +45mV. Esse é o valor médio da maioria dos potenciais de ação.

Os receptores de GABA não são afetados pelo Piracetam. E, curiosamente, os efeitos do Piracetam são justamente opostos aos do GABA quanto à polaridade neuronal.

A seguir, são listados alguns dos efeitos do Piracetam no sistema nervoso central. Desconhece-se seu efeito farmacológico primário, embora existam algumas hipóteses aventadas nas revisões de literatura científica recentes. Há ainda, contudo, muita pesquisa a ser feita a respeito dessa droga.

segunda-feira, 24 de agosto de 2015

O Guia de Colina para Calouros (I)

Atenção: o uso da colina e sua suplementação devem ser orientados por um nutricionista; enquanto o uso de remédios nootrópicos deve ser orientado por um médico. Esse artigo tem apenas fins informativos.

Você que está entrando no mundo dos nootrópicos certamente já se deparou com o nome "colina" um montão de vezes. E, considerando ser difícil (senão impossível) encontrar um guia em português comparando as diferentes formas de colina, é comum ter várias dúvidas sobre esse composto.

Está na hora de acabar com as informações conflitantes e reunir as informações mais importantes num artigo direto e prático. 

A intenção é apresentar uma visão geral da importância da colina como melhorador cognitivo, debater a relação da colina com os racetams e comparar as diferentes fontes de colina. Mas, o mais importante, que você não irá nos blogs em inglês: eu irei discutir a acessibilidade (onde encontrar, se precisa de receita e quanto custa) de cada fonte de colina aqui no Brasil.

Se você é marinheiro de primeira viagem no navio dos nootrópicos, siga em frente!

domingo, 23 de agosto de 2015

O crescente mercado ilegal de Ritalina

O mercado negro ignorado pela Anvisa
Basta digitar "comprar Rit..." no campo de pesquisa do Google que o próprio buscador já sabe do que se trata. Algum algoritmo do Google Search já sugere: "comprar Ritalina sem receita". 

Depois de apertar o enter, parece que você está num Brasil que não é terra de ninguém. Anvisa? Esqueça. A sensação é de que a vigilância sanitária caiu nos braços de Morfeu e não voltou mais.


O que mais surpreende é a ousadia dos criminosos. No site acima, por exemplo, os vendedores fazem pacotes "promocionais" (com preços de Ritalina quatro vezes maiores que os da farmácia) e publicam até mesmo depoimentos de compradores satisfeitos. 

Também é comum a divulgação da Ritalina mesmo em sites como o Mercado Livre. Como relata o titular da Delegacia de Crimes Eletrônicos, o delegado Peterson Gimenis, numa entrevista: "Anunciam um produto qualquer, no valor do medicamento. Daí, o comprador emite um boleto, faz o pagamento desse produto e recebe o remédio em casa".

Na minha pesquisa, os vendedores utilizaram nomes para anúncio que não os incriminassem. No exemplo abaixo, "capinha de Ritalina - Samsung". Mas as imagens não são de capinha alguma, mas imagens de caixas de medicamento fechadas - e que são exclusivas do autor do anúncio.


Nos comentários, fica claro que a negociação dos remédios não fica no Mercado Livre. Quem deseja comprar as caixas de remédio comercializa, por exemplo, via email. Mas o MercadoPago, sistema de pagamento bastante conhecido, é utilizado.

Mas e a Anvisa? E a Polícia Federal? Onde estão as instituições brasileiras? Ou a Internet é mesmo essa terra de ninguém?

Bom, recentemente, o Jornal da Globo fez uma reportagem de título chamativo: "Polícia Federal está de olhos nas compras irregulares de Ritalina". Mas Gustavo Trevisan, delegado da Polícia Federal, disse para a equipe de reportagem que "nós (a Polícia) não temos estrutura suficiente para dar conta disso".

Brasil dispara no consumo de Ritalina
Foto: Jornal da Globo

sábado, 22 de agosto de 2015

Ritalina: tudo o que você sempre quis saber, mas tinha medo de perguntar

Experimento de uma semana: os efeitos da Ritalina num cérebro saudável

Por T.S., especialmente para o Turbine Seu Cérebro

Ela é a menina dos olhos dos concurseiros que ambicionam o emprego dos sonhos. É a queridinha de jovens que sofrem a pressão dos vestibulares. E é o estimulante predileto de muitos executivos bem sucedidos.

Que existe uma febre de Ritalina (metilfenidato) no Brasil, o segundo maior consumidor do remédio no ranking mundial, não há mais dúvida. Mas por que esse medicamento nos conduziu à vice-liderança de uso global?

Como muitos estimulantes, o metilfenidato, princípio ativo da Ritalina, causa uma explosão de um mensageiro químico - a dopamina - no cérebro. A dopamina tem muitos efeitos - e, entre eles, ela causa prazer. Atividades e substâncias que aumentam a dopamina alimentam o sistema de recompensa do cérebro.

É o gatilho para a dependência. Como o cérebro passa a associar o metilfenidato com o prazer, há chances de vício para o uso crônico. Mas, além disso, o aumento da dopamina costuma deixar as pessoas mais motivadas. Além disso, a dopamina é o neurotransmissor das funções executivas, como planejamento, tomada de decisões e concentração.

Para quem sofre com o déficit de atenção, a Ritalina apenas equilibra os neurotransmissores, corrigindo a carência de dopamina que caracterizaria o transtorno. Assim, alivia a falta de foco e organização, sintomas do TDAH.

Mas e num cérebro saudável? A Ritalina merece toda a popularidade que tem como droga de estudo? Há tal visão nos corredores dos cursinhos. Mas será que ela transforma asnos em Einstein ou apenas causa uma falsa sensação de inteligência? 

As perguntas sobre a Ritalina são muitas e, muitas vezes, é difícil encontrar alguém que as responda. Eu fui atrás das respostas para você. Usei a Ritalina durante sete dias e eu me comprometo a escrever um relato fiel. 

Antes de seguir em frente, tenha certeza de que você entende o que é um relato! Trata-se de puro empirismo e nenhum fundamento científico. São as coisas que eu senti, durante a minha experiência. 

Ênfase na primeira pessoa do singular! Há relatos na literatura científica de quem já usou a Ritalina e teve alucinações visuais e auditivas. Não é porque eu não as tive que essas pessoas estão "inventando" ou mentindo.

Se o conceito de que cada fármaco, ainda mais os psicotrópicos, funciona de modo diferente para cada pessoa é muito complicado para você, então não continue a ler.

Esse artigo apenas tem fins informativos e eu não me responsabilizo pelo mal uso das informações dispostas aqui. Consulte sempre o seu médico, em especial se você acredita que possui TDAH ou está insatisfeito com a sua concentração.

7 coisas que eu aprendi com a Ritalina

quinta-feira, 20 de agosto de 2015

Veredito final: Stavigile aumenta a inteligência e é seguro, dizem cientistas

Pesquisadores de Oxford e Harvard concluem que a modafinila (Stavigile) turbina cérebros saudáveis, com efeitos colaterais raros e brandos

Caixa de Stavigile, da Libbs
Reprodução: Internet
A notícia caiu como uma bomba na imprensa internacional. Ontem, 19 de agosto de 2015, pode muito bem ter sido um marco na maneira como entendemos o cérebro e a inteligência humana. Foi a primeira vez que uma medicação psiquiátrica foi entendida como "segura e eficaz" para turbinar o cérebro de quem não tem nenhum problema de saúde.

Cientistas fizeram uma meta-análise (isto é, uma revisão de vários estudos na literatura científica) e chegaram a uma sentença final: a modafinila é capaz de aumentar o poder intelectual de pessoas saudáveis.

A modafinila, que é o princípio ativo do medicamento Stavigile (da Libbs) é indicado para tratar a sonolência diurna excessiva. Mas, na realidade, é mais usado por estudantes e executivos que querem virar noites ou lidar com a privação de sono, e não por doentes.


"Turbine seu Cérebro": os segredos da neurociência para um intelecto mais afiado

Ninguém está fadado a ter o mesmo desempenho intelectual para sempre. A ciência sabe como otimizá-lo. E eu te conto como!


E se um medicamento pudesse lhe dar um "cérebro melhor"? A ideia parece ter sido tirada de um filme de ficção científica - que nem o Sem Limites, não é? Ledo engano. Melhorar o desempenho intelectual através da farmacologia é uma realidade para executivos ambiciosos, ricaços de Wall Street e nerds do Vale do Silício, nos EUA. O segredo deles é uma classe farmacológica incrível, mas praticamente ignorada no Brasil: a dos nootrópicos.

No meu eBook Turbine Seu Cérebro - O Guia Completo de Nootrópicos, mergulho na ciência por trás de várias dessas substâncias. Nootrópicos, pela definição do médico que cunhou o termo, são compostos neuroprotetores, de bom perfil de segurança, capazes de otimizar a capacidade cognitiva.

Muitos deles prometem benefícios como uma memória mais afiada, maior retenção do aprendizado, menor desgaste mental em tarefas que exijam atenção prolongada e melhor desempenho analítico e lógico.

O que você aprenderá no eBook
É claro que o tema enche os olhos de estudantes de vestibulares, concurseiros e trabalhadores ambiciosos. Nesse eBook, falo de uma variedade de nootrópicos - e da minha experiência pessoal com eles. Você verá no meu relato o que eu aprendi ao usar a maioria dos nootrópicos tratados na leitura.

Ainda, você terá em mãos uma investigação interessante e envolvente sobre esses fármacos. Eu irei lhe apresentar o veredito da ciência sobre a eficácia de cada um dos nootrópicos tratados. A bibliografia consultada e listada é densa, mas não se preocupe: não há nenhum jargão do "neurologuês". Todas as linhas são claras e instigantes, a fim de oferecer uma leitura agradável e de fácil entendimento.

Abordagem completa
Nootrópicos e drogas da inteligência são dois temas muito quentes. Mas é importante ter em vista que, bem antes deles, alguns hábitos tem uma influência enorme na sua capacidade intelectual. É por isso mesmo que exploro o poder de uma alimentação rica em nutrientes específicos para o cérebro no texto. Além disso, ainda converso a respeito da prática de exercícios físicos e do aumento da qualidade de sono - práticas que, quando bem aplicadas, podem otimizar o poder do seu cérebro.

O tema de aprimoramento cognitivo para pessoas saudáveis é escasso no Brasil. Foi por causa disso que eu escrevi o Turbine Seu Cérebro - O Guia Completo de NootrópicosVocê terá acesso a um material inovador, completo, rico em informações - tudo numa linguagem fácil e agradável. O resultado final é uma edição de qualidade, de leitura estimulante, bem ilustrada e com design impecável.

Foto de capa do "Turbine Seu Cérebro", no e-book reader do leitor Raphael Queiroz
Saiba como comprar o eBook
Para comprar o livro e ter acesso às suas 149 páginas integralmente, você pode realizar a compra pelo Hotmart, uma plataforma segura para compras e vendas online.

Clique aqui para comprar. As opções de compra são por cartão e por boleto. Após efetuar sua compra por cartão de crédito, você receberá o ebook por email automaticamente. Caso efetue a compra através de boleto bancário, o ebook é enviado automaticamente, pelo sistema Hotmart, após a confirmação do pagamento pelo banco.

Compra por depósito bancário
Para sua conveniência, outra opção de compra é por meio de depósito bancário, em conta do Bradesco. O eBook sai por apenas 29,99 reais. Os dados para depósito são:

Matheus Pereira Machado
172.607.277-05
Banco Bradesco
AG 0406-5
CC 07181-1

Envie um comprovante de depósito para o e-mail matheuscdcp@gmail.com. Eu lhe enviarei a sua cópia licenciada do eBook dentro de 24 horas após o envio do comprovante.

Clique aqui para adquirir sua cópia do eBook

O que os meus leitores dizem


"Sem dúvida nenhuma, este é o melhor conteúdo disponível em português sobre um assunto vasto e surpreendente - que infelizmente é desconhecido até pelos melhores profissionais da área no nosso país. Matheus se sai muito bem, mostrando o funcionamento e aplicação de cada um dos nootrópicos tratados.

Estou há aproximadamente quatro meses fazendo uso dos nootrópicos, sempre consultando este livro, e nunca deixando de ouvir opiniões profissionais, e estou tendo inúmeros benefícios. Sem dúvida alguma é leitura obrigatória tanto para estudiosos da área quanto para aqueles que desejam mergulhar de cabeça no mundo dos nootrópicos!".
Adamo Martins, músico, São Paulo - SP



"O ebook Turbine seu Cérebro é um ótimo pontapé inicial para quem deseja mergulhar no mundo da alta performance cognitiva. Vai servir de referência para muita gente que deseja montar stacks. O livro apresenta resultados de estudos, principais indicações e uma bela introdução a muitos dos compostos mais utilizados por toda a comunidade de nootrópicos"
Thiago Borges, estudante de Farmácia, Rio de Janeiro - RJ

"Quando a memória e a concentração começam a falhar, é hora de prestar atenção ao que está acontecendo com o seu cérebro. É possível deter esses efeitos através de um programa com nootrópicos. É o que nos ensina Matheus Pereira no revolucionário Turbine Seu Cérebro - O Guia Completo de Nootrópicos. Com esse guia, eu pude aprender e entender como funciona essa tecnologia de suplementação de modo a não cometer erros. Não suplemente antes de tomar ciência do que essas páginas revelam"
André Santti, Santos - SP


“O livro de Matheus - Turbine seu Cérebro - é um dos mais fantásticos que já li. Trata-se de uma ampla pesquisa sobre os nootrópicos, que nos incita a buscar cada vez mais sobre o assunto. O texto também nos direciona sobre como utilizá-los de maneira saudável de modo a ter excelente aproveitamento

Eu me interessei sobre os nootrópicos diante da minha incessante necessidade de querer melhorar a forma que funciona minha mente e cérebro. Posso dizer que o livro vem a ser uma mão na roda para aqueles que desejam fazer uma pesquisa sobre o assunto e encontrar dicas valiosas. Nele, você encontra uma coletânea dos nootrópicos mais usados e estudos científicos sobre tais. Não deixe perder a oportunidade de adquirir este excelente guia"
Raphael Queiroz, técnico em TI, Boa Viagem - PE


Primeiro quero registrar minha admiração pelo seu incrível trabalho. Você realmente está prestando um grande serviço de utilidade pública na melhoria da qualidade de vida e na saúde das pessoas. Tenho que reconhecer o fato inegável de que existem muitas pessoas que encontrarão em suas palavras um bálsamo de esclarecimento para as dificuldades que vivem. 

Talvez você não conheça a dimensão de dor que existe por falta desses conhecimentos que você publicou, mas logo saberá quando obtiver o retorno agradecido das pessoas. Eu mesmo sou uma delas que tenho experimentado suas orientações sob supervisão profissional e tive um fantástico benefício na saúde, bem como em meu desenvolvimento profissional. O menor retorno que posso lhe retribuir tem sido comprar o seu livro e divulgar entre amigos e familiares seus conhecimentos. Parabéns, garoto do cérebro, você é um grande profissional e um ser humano exemplar".
Marcos Mesquita, Fortaleza - CE

Clique aqui para adquirir sua cópia do eBook
Conteúdo do eBook
Clique na imagem para aumentar


Considerações importantes (leia!)
  • O e-book não tem a intenção de curar ou diagnosticar nenhuma doença.
  • O e-book tem somente a intenção de informar. O seu conteúdo é fundamentado pela revisão leiga de estudos científicos (com suas devidas referências bibliográficas no texto) e pela experiência pessoal do autor.
  • O e-book não incentiva ou estimula o uso de nenhum fármaco. Seu único objetivo é informar a respeito do potencial off-label de uma série de remédios - que só devem ser usados sob prescrição médica. Caso você utilize qualquer um dos fármacos citados no livro sem a prescrição de um médico, poderá prejudicar a sua saúde.
Leitores, em caso de dúvidas sobre os métodos de compra ou assunto do livro, fiquem à vontade para entrar em contato por matheuscdcp@gmail.com