quinta-feira, 2 de novembro de 2017

O que tem de novo: sulbutiamina combate a fadiga na esclerose múltipla

Sulbutiamina é a promessa para pacientes que sofrem com cansaço incapacitante


Imagine você fazer uma caminhada de 30 quilômetros até o topo de uma colina, depois de dois dias sem dormir, carregando uma mochila cheia de pedras, no dia mais quente do ano. É assim que alguém que tem esclerose múltipla refere que se sente [1].

A esclerose múltipla é causada por uma reação inflamatória que destrói a mielina, capa gordurosa e protetora dos neurônios e que facilita a condução dos impulsos nervosos. É como arrancar a capa de fios elétricos. E a fadiga é o sintoma estrela da doença. Não qualquer fadiga: é uma exaustão que paralisa e escraviza.

E apesar de ser esse o sintoma mais comum e o mais debilitante da esclerose múltipla, não há nenhuma terapia ainda amplamente aceita para alvejar tanta fadiga. Cientistas resolveram, então, testar a sulbutiamina (vendido no Brasil como Arcalion), um nootrópico (grupo de drogas neuroprotetoras que melhoram o intelecto) poderoso, nesse grupo de pacientes.

Se você não conhece, a sulbutiamina é uma vitamina B1 modificada, que tem acesso VIP ao cérebro, onde exerce efeitos peculiares. Ela combate a astenia, termo médico para a "perda de vigor" ou para a exaustão física ou psíquica. A sulbutiamina já se mostrou capaz de aumentar a disposição de pacientes convalescentes, melhorar a vigília em macacos, aumentar a sociabilidade de pacientes depressivos e até mesmo combater a impotência sexual.

Muito além de ajudar a subir a pipa dos vovôs, a sulbutiamina parecia o candidato perfeito para dar um up no vigor dos pacientes com esclerose múltipla. Pesquisadores turcos investigaram essa aplicação em 26 pacientes de esclerose altamente fadigados. O estudo foi publicado em agosto desse ano.

Pós-sulbutiamina
Os voluntários passaram por um questionário, a Escala de Impacto da Fadiga, que avalia o nível de cansaço. Quanto mais um voluntário concorda com afirmações como "Eu tenho estado menos alerta" ou "Eu ando mais esquecido" ou "Eu tenho estado menos motivado a fazer qualquer coisa que exige esforço físico", maior a pontuação.

Esses pacientes, no início do experimento, tinham um nível de fadiga pontuado como 77 de 84. Então, passaram a usar 400 mg de sulbutiamina por dia, durante 60 dias. Ao final do experimento, o nível de cansaço já era graduado, em média, 60,5.

Em todos os subaspectos da avaliação - cansaço físico, cognitivo e psicossocial - houve uma redução estatisticamente significativa da fadiga, sem efeitos adversos sérios. A pesquisa engrossa o coro de trabalhos antigos que já diziam que a sulbutiamina é excelente para o combate do cansaço excessivo em diferentes situações clínicas.

Eu falo mais sobre a minha experiência com a sulbutiamina (e todos os efeitos que eu tive com vários outros nootrópicos) no meu livro, Turbine Seu Cérebro - O Guia Completo de Nootrópicos. Clique aqui para saber mais.

6 comentários:

  1. se a esclerose destrói a Mielina, seria útil nesses casos utilizar também a fosfatidilserina, já que ela ajuda a recompor neurônios? em termos de efeito na cognição e motivação, a fosfatidilserina tem alguma relação com a sulbitiamina? obrigado!

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde, li todos os seus artigos relacionados ao piracetam e gostaria de saber a sua opinião sobre a combinação de piracetam+pharmaton sendo q o pharmaton possui 100mg de colina
    desde já agradeço!

    ResponderExcluir
  3. Boa tarde, li todos os seus artigos relacionados ao piracetam e gostaria de saber a sua opinião sobre a combinação de piracetam+pharmaton sendo q o pharmaton possui 100mg de colina+ sulbitiamina
    desde já agradeço!

    ResponderExcluir
  4. Boa tarde, li todos os seus artigos relacionados ao piracetam e gostaria de saber a sua opinião sobre a combinação de piracetam+pharmaton sendo q o pharmaton possui 100mg de colina+ sulbitiamina
    desde já agradeço!

    ResponderExcluir
  5. Bom dia Matheus, te mandei um email há mais de uma semana no matheuscdcp@gmail.com, pois tenho interesse em esclarecer alguns questionamentos. Quanto tempo vc leva para respondê-los? Obrigada.
    Atenciosamente, Flávia.

    ResponderExcluir
  6. Dica de ouro: O excelente site evitamins está oferecendo belos descontos pelo link abaixo:
    https://www.evitamins.com/br/?ref=1554177

    É o melhor site pra comprar vitaminas e suplementos dos Estados Unidos. Sempre compro deles.
    A entrega no Brasil é rápida e tudo 100% confiável.
    (Para receber o desconto é importante utilizar o link que disponibilizo acima).

    ResponderExcluir